segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

REFLEXÃO SEMANAL....LIBERDADE DE SE EXPRESSAR


Muitas vezes não expressamos a nossa opinião,os nossos pensamentos,por não querer machucar os outros ou principamente com o receio daquilo que vão pensar.
Na maioria das vezes aqueles que tem uma opinião diferente saem em críticas com as opiniões que não são de acordo.
É claro que nós não somos obrigados a concordar com tudo e com todos,mais devemos ao menos respeitar as opiniões alheias.
Tenho uma amiga que atraiu muito a minha adimiração pela sua forma de se expressar,a minha amiga Gookz cujo o  blog é http://universoelegantegookz.blogspot.com/ ,caso queira dar uma olhadinha,ela se expressa de uma forma bastante natural isso me inspirou a escrever essa reflexão.

O que é opinião:


s. f.1. Modo de ver pessoal.
2. Juízo que se forma de alguém ou de alguma coisa.
3. Adesão pessoal ao que se crê bom ou verdadeiro.
4. Modo como o geral das gentes vêem!veem certas coisas ou dizem julgar delas. (Também se diz opinião pública.)
5. Voto, parecer.
Como o significado mesmo diz,é uma forma pessoal de se expressar,muitas vezes as pessoas já estão com suas opiniões formadas a cerca de algum assunto e se já estão formadas na sua mente, quando se depara com algo que é diferente automaticamente entram em conflito e é natural o confronto de idéias.
Os pensamentos e idéias até mesmo dos grandes pensadores não são extremamente verdades,todos em algum momento estaram contrariando alguem,ou alguem em algum momento não estará concordando com alguma coisas.
Infelismente hoje em dia a muitos meios que estão manipulando os pensamentos e opiniões das pessoas,principalmente no sentido religioso,muitos lideres religiosos manipulam as mentes de fiéis seguidores de seus credos,em nome de DEUS e a famosa pregação sobre o inferno faz com que muitos se calem com medo de se expressarem.
Eu acredito em DEUS,sei que Ele existe e pronto,a minha forma de crer em DEUS não sofre influência externa,só se fizer muito sentido ou se for um assunto incontestável.
Fora as manipulações políticas que vemos dia a dia.
As opiniões são verdades para aqueles que as tem,então não tente enfiar as tuas opiniões guela a baixo das outras pessoas.
É sim um direto de cada cidadão de expressar a sua opinião e confrontar as idéias dos outros ,com tudo tendo o devido respeito aos pensamentos de cada um...


MUITOS ABRAÇOS                VIDDA

3 comentários:

  1. Paternalismo.


    Este negocio de paternalismo e coisa de governo populista é para mostrar que são bonzinhos. Para os que não entendem de política eles parecem bonzinhos, mas na verdade, estão e comprando voto de uma maneira velada. Se o governo fosse bom mesmo, não agiria assim dando esmola para os mais pobres. O interessante: em primeiro lugar seria, fechar o ralo por onde o dinheiro dos impostos escoa direto para as contas bancarias dos corruptos, corruptos estes que falam sempre nos julgamentos que não sabem de nada, não fizeram nada, são uns verdadeiros santinhos. Com o ralo fechado iria sobrar mais dinheiro para investir em programas sociais, com isso geraria mais empregos. Com a geração de mais empregos as pessoas teriam o seu próprio salário e não dependeriam mais do bolsa família. Recuperando com isso sua dignidade e poderia andar de cabeça erguida sem o constrangimento de ser um necessitado um peso para o estado.

    http://pauloluizmendonca.judblog.com

    ResponderExcluir
  2. OS MAUS INTENCIONADOS

    Nós temos o hábito de criticar a política, dizendo que os políticos são corruptos, aproveitadores do estado. Isso não é verdade, os políticos verdadeiros estão na política, porque almejam um melhor futuro para nosso país. Eles estão lá para criarem leis que possam influenciar no nosso progresso. O que temos que entender na política, é saber separar o que é político verdadeiro, e aqueles estelionatários que vêem na política um campo fértil para a aplicação de seus golpes. Estes estelionatários sabem que o controle das finanças do país é extremamente vulnerável, sendo assim eles como são possuidores de uma inteligência privilegiada, a qual é voltada para a maldade, se locupletam com esta vulnerabilidade do estado. Na verdade estes não são políticos são na verdade estelionatários disfarçados de políticos.
    Temos solução para este problema? Sim temos; a solução é em primeiro lugar, escolaridade adequada, em seguida, politizar o nosso povo, para que nós cidadãos comum possamos ter discernimento adequado na hora de escolher nossos representantes para exercer cargos políticos.
    Infelizmente há pessoas que procurando somente seu bem-estar sem se importar com o todo da população, vota em candidatos duvidosos, que o mesmo, depois de eleito lhe conseguirá um bom emprego. Isso na verdade é compra e venda do voto. Este procedimento na verdade é imoral, porque este cidadão ao vender seu voto, estará prejudicando a população como um todo. Qual conclusão, nós tiramos disso. Este fato acontecendo em todo nosso país é o que tem nos levado ao caos total. Enquanto uma minoria tem suas situações resolvidas, conseguindo seu emprego, muitas vezes sem merecer, a maioria da população esta a mercê de políticos inescrupulosos, que se locupletam nos cofres do estado.

    Esta crônica foi extraída do livro Crônicas indagações e teorias autor Paulo Luiz Mendonça.

    ResponderExcluir
  3. O QUE EU PENSO DA POLÍTICA.

    A melhor comparação que faço da política brasileira. Como sempre, salvo as raras e honrosas exceções. Pois há muitos políticos bons, mas a maioria sem sombra de duvida são picaretas. Tempos atrás eram, segundo o sindicalista Lula, trezentos, mas agora, com o avanço da tecnologia e o aumento desenfreados da impunidade, esse numero deve ter no mínimo triplicado. Imaginem um troço de fezes, quando ele esta estático, de preferência sobre o sol, o mesmo cria uma espécie de película protetora, a qual impede que o mau cheiro se propague, com isso não afeta muito nosso olfato, mas quando alguém mexe e remexe o referido, o cheiro fica insuportável.
    A política brasileira, e todas as políticas de países de terceiro mundo, e também, com menos intensidade nos países do primeiro mundo. É a mesma coisa. Às vezes, durante um tempo, às coisas parecem estar tudo mais ou menos bem, mas subitamente surge uma noticia de uma nova corrupção, este fato passa a ser investigado, nesse momento inicia-se uma cassada aos culpados. Mas por incrível que possa parecer, ao invés de contratarem detetives para esclarecer os fatos. Imaginem eles contratam pizzaiolo. Depois deste procedimento não há possibilidade de haver justiça, o que temos como resultado é pizza. É como se estivesse mexendo e remexendo em algo muito podre, logo começa a exalar um mau cheiro, terrível, insuportável. Se alguém tiver uma definição melhor do que esta para a política, que me passe esta informação ficarei muito grato.

    Esta crônica foi extraída do livro Crônica, indagações e teorias. Autor Paulo Luiz Mendonça.

    http://pauloluizmendonca.judblog.com

    ResponderExcluir