sábado, 23 de janeiro de 2010

VOCÊ HOMEM O QUE ACHA DAS MULHERES

Evidentemente com a era *(MULHER INDEPENDENTE)* as coisas tem mudado o seu rumo natural.
A cada dia as mulheres tem se tornado mais seguras e menos dependentes dos homens. 
Adimiravel em partes.
As mulheres tem oculpado cargos que antes era só de homens ,praticado esportes de exclusividade masculina.
Por exemplo,o clube de de regatas flamengo tem um novo presidente,ou melhor uma presidente,(PATRÍCIA AMORRIN) ,a primeira mulher da história a assumir o clube.
Mais o que importa?
Para mim apesar deste domínio feminino,todas as mulheres são como flores. 
Independente da raça,cor,estado financeiro,todas possuem a delicadeza de uma flor.                                    
Porém há excepções,                                                                                                                                   
Algumas são mais espinhosas:

Outras mais secas:                      

Outra grossas no trato:                       
Mais também tem as delicadas ,doces,cheirosas,finas no trato,etc.


Mais em uma coisa todas são iguais.
Todas gostam de atenção ,carinho ,palavras agradáveis,elogios,de serem valorizadas.
Por isso digo que todas são como flores ,pois,em uma floricultura há muitas espécies de flores mais todas tem o seu valor.
Mais uma coisa eu digo e agradeço;                                                                      
OBRIGADO POR EXISTIREM! 

..........................VIDDA...................

2 comentários:

  1. Ola
    Seu texto retrata o que hoje pode ser natural, para alguns ainda é um tabú.
    Não podemos fechar os olhos para esta realidade tão emergente e que de certa forma esta marcado a nossa história.
    Em primeiro devemos sim manter o respeito por este ser chamado "mulher" que complementa nossa existência.
    "Mulher" tantos seriam os significados para adorá-la como uma "deusa", mãe, proterora, sãbia, enfim, simplesmente "mulher".
    Como o homem, seu espaço vem sendo reconhecido por muitos, não pela posição ou profissão, mas sim, pela dedicação com a qual desenvolve aquilo em que ela se engaja.
    Como citado em seu texto, sem ela nossos dias seriam sombrios pois ela é como a flor que alegra nossas manhãs; sem elas não teriamos a sebedoria, pois seus conselhos são a direção para nosso caminhar; sem elas não teriamos a alegria, pois seu coração é força para eliminar nossas tristezas; sem elas não existiriamos, pois sempre serão a "mãe" que nos deu a vida; vida esta que dedicamos a "elas" e ao mesmo tempo podemos reconhecê-las.
    Este reconhecimento é a vitória de sua luta por seu espaço nesta história que todos nós escrevemos.
    Sem elas independente da crença, cor, raça, ou mesmo temperamento, não valeria a pena existir, pois são elas que não o suporte para todos nós.
    Desculpe o longo comentário, mais foi preciso.
    Adorei o post
    Um forte abraço
    Mad

    ResponderExcluir